Logo

Logo

sábado, 17 de junho de 2017

Lascaux

Vejam meu jovens – disse a velha professora – a beleza dessas cavernas. Aqui, milhares de anos atrás, viviam seres como nós. Podem ver que deixaram marcas de sua presença pintadas nas paredes. Observem a beleza dessas pinturas rupestres. Com toda a certeza, podemos dizer que sua criação foi algo importante...



Milhares de anos antes...

<Cara, que tédio. Mais uma noite sem nada para fazer. Bem que poderia rolar algo. Peraí ai... Já sei! Vou chamar a galera. Divide o pessoal em grupos, eu fico desenhando qualquer coisa na parede e o resto tem que adivinhar o que é o mais rápido possível. Vence quem descobrir mais! Vai ser o melhor jogo do mundo, e mesmo daqui milhares de anos o pessoal vai vir aqui e dizer: Caramba, que jogo sensacional eles jogaram naquela noite!>

No presente...

O que elas podem dizer? Indícios de uma grande caçada, celebrações para os espíritos ancestrais, celebração da vitória em combate? Na verdade só podemos especular, mas com certeza foram eventos grandiosos.... Até mesmo sagrado! Agora vamos voltar ao acampamento, pois Lascaux Tá na Mesa!



Lascaux é um jogo rápido, criado em 2007 por Dominique Ehrhard e Michel Lalet. De três a cinco jogadores, com duração média de 20 minutos, em Lascux apostam pedras para ver quem consegue o maior número de pinturas rupestres na rodada.

- Apostar pedras? Por acaso o jogo em com brita? Deve até para asfaltar a rua lá de casa!



Menos, sub espécie do Homo Ignorantus. Lascoux (Nota da Sra. Slovic: Se diz “lascô”) realmente vem com pedras de verdade para serem usadas em jogo, mas não bem bonitas, como se fossem lascadas (Nota do Sr. Slovic: Que remete a Idade da Pedra Lascada, período em que esse grande parte das pinturas em cavernas foram feitas). O jogo em regras muito simples. No incio de cada rodada de seis cartas de animais são reveladas na mesa. Cada carta tem duas cores nos cantos. Cada jogador escolhe secretamente a cor que quer pegar. Depois cada jogador vai colocando uma pedra na Tigela Cerimonial (O numero de pedras iniciais depende da quantidade de jogadores). Assim que alguém desiste, fica com todas as pedras da tigela e o jogo continua até restar um, que pega todas as cartas da cor que escolheu. Por fim, todos, na ordem contrária da desistência, podem pegar cartas de sua cor escolhida, se ainda restar alguma. As cartas que ficaram são descartadas e inicia-se uma nova rodada. O jogo termina quando as cartas acabarem. No fim da partida, se quem tem mais cartas de cada tipo de animal. Esse jogador faz um Ponto de Vitória (PV) por carta. Vence quem tiver mais Pvs.




No geral, Lascoux (Nota do Sr. Slovic: Laxcaus é um complexo de cavernas que ficam no sudeste da França, famoso por suas pinturas rupestres, assim como Serra da Capivara, no Piaui) é um jogo rápido e simples. Pode para um pouco complicado para alguns, mas no fim da primeira rodada todos entendem. Não tem segredo: escolha uma cor, aposte as pedras e pegue as cartas disponíveis. As pedras são lindas (Nota do Sr. Slovic: É extremamente comum ficar sem pedras durante o jogo, não se preocupe. Depois você consegue mais) e a arte das cartas imitam bem as pinturas em paredes. Vale a pena conhecer. Agora, vamos pintar nossas paredes. Quem sabe não ficamos famosos em 12 ou 15 mil anos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário