Logo

Logo

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Elevenses

Muito bem, vejamos... Os biscoitos já estão no forno, o chá está quase pronto e o leite, na temperatura certa. O açucareiro está cheiro, a louça chinesa em ordem. Tudo certo para o chá de Lady Smythe esteja a contento. Infelizmente Lord Farquaad também participará. Não suporto este homenzinho e sua mania de grandeza. Mas quem sou eu para reclamar? Minha única função nesta vida é cuidar para que minha senhora seja bem atendida. E enquanto verifico se a criadagem já terminou os sanduiches, aviso a todas para se apressarem, pois Elevenses Tá na Mesa!



Elevenses é um simpático cardgame, criado em 2013 por David Harding. Para dois a quatro jogadores, com duração média de 30 minutos, o objetivo do jogo é apresentar a melhor mesa de chá das 11.

- Mais que jogo mais meigo. Deixa eu chamar a dona Maricotas para brincarmos de chá! Da onde você comprou esse não tinha para homem, não?



Deixe de vomitar arco-íris, adorador de Crepúsculo! Elevenses tem mesmo um tema nada convencional (Nota do Sr. Slovic: Mas tão presente ótimos jogos como Rokoko, Love Letter  e Ladies & Gentlemen) e é um grande jogo de estratégia. Todos os jogadores, que são Governantas apressadas para preparar o melhor chá das 11, começam com um maço idêntico de 11 cartas numeradas, onde oito devem ser dispostas viradas para baixo em duas fileiras de quatro (chamado de spread) no setup do jogo e três ficam na não (chamada de cozinha). Em seu turno o jogador pode fazer uma de duas ações: colocar uma carta de sua mão virara para cima no lugar de uma do spread ou trocar uma carta da cozinha por uma da mesa. As cartas colocadas para cima seguem uma ordem de organização na mesa (cartas numeradas de 2 a 5 na fileira de cima e de 6 a 9 na de baixo), Não é necessário baixá-las em ordem, mas sim seguir a disposição determinada na mesa. Não é permitido baixar uma carta repetida.



Cada vez que uma carta é baixada, ela traz um efeito no jogo, como passar uma carta para o jogador da esquerda ou desvirar uma carta no spread de outro jogador. Cada carta baixada dá pontos para determinar o vencedor da rodada. Esses pontos variam de zero a três. Ao baixar as cartas 1 e 10 o jogador não compra nenhuma outra na mesa, ficando com menos opções na cozinha. Quando há mais de quatro cartas viradas no spread e a carta 11 e jogada, o turno termina. Quem tiver mais pontos ganha a rodada (Nota da Sra. Slovic: Assim como em Love Letter, é usado um simpático marcador, que no caso de Elevenses é um cubo de açúcar), e leva de um a três cubos, dependendo do número de jogadores e das cartas no spread. Com cinco, vence-se o jogo.




No geral, Elevenses é um jogo aparentemente bem simples, porém muito estratégico. A partida é dinâmica e todos jogam o tempo todo, já que a grande maioria dos efeitos das cartas é de interação entre os participantes. Ele foi uma grata surpresa. Sua caixa pequena e suas regras fáceis o transforma naqueles jogos que você pode levar em qualquer lugar, para jogar tanto com gamers como com iniciantes. Existe uma versão para jogar solo: Elevenses for One. Agora, com sua licença que já são quase 11h e todos estão esperando pelo chá.


Nenhum comentário:

Postar um comentário